Um Ponto, uma Prece: pontos cantados na Umbanda




Olá, seja bem-vindo ao "Um Ponto, uma Prece"!

Clique aqui para visualizar / conhecer o Hino da Umbanda.

Confira o índice completo das postagens no lado direito do blog.

Abraço fraterno e muito Axé!
Saravá!

Oração de São Francisco



Senhor, fazei de mim um instrumento de vossa Paz!

Onde houver ódio, que eu leve o amor;

Onde houver ofensa, que eu leve o perdão;

Onde houver discórdia, que eu leve a união;

Onde houver dúvida, que eu leve a fé;

Onde houver erro, que eu leve a verdade;

Onde houver desespero, que eu leve a esperança;

Onde houver tristeza, que eu leve a alegria;

Onde houver trevas, que eu leve a luz.


Ó Mestre, fazei que eu procure mais

Consolar, que ser consolado;

Compreender, que ser compreendido;

Amar, que ser amado.

Pois é dando que se recebe,

É perdoando que se é perdoado,

E é morrendo que se vive para a vida eterna"

3 comentários:

Laura disse...

Hehe, mais uma Oração, né?

Esta é especial para mim... Gosto muito do ideal franciscano, gosto da história de S. Francisco, e gosto do objetivo proposto nesta prece...

No corredor pelo qual os médiuns passam para entrar na Gira, há um quadro com esta oração; acho que tem muito a ver com o desenvolvimento e o trabalho mediúnico... É a oração que faço ao entrar para os trabalhos, quando "bato a cabeça" frente ao Congá.

Quel disse...

A Oração de São Francisco, é especial para mim desde que a conheço, mes faz refletir! E tento manter como filosofia de vida!!! Mas é muito difícil... A história é linda, a oração perfeita.

Laura disse...

Olá "Quel"! Seja bem vinda ao "Um ponto, uma prece", que bom tê-la no bloguinho!

Recomendo o filme "Irmão Sol, Irmã Lua", de Franco Zefirelli... Se ainda não assistiu, assista; se já viu, reveja! ;o)

Conta o início da história de São Francisco, de maneira poética e com uma fotografia simplesmente fantástica...