Um Ponto, uma Prece: pontos cantados na Umbanda




Olá, seja bem-vindo ao "Um Ponto, uma Prece"!

Clique aqui para visualizar / conhecer o Hino da Umbanda.

Confira o índice completo das postagens no lado direito do blog.

Abraço fraterno e muito Axé!
Saravá!

Povo Cigano (Fossem ciganos...)


Fossem ciganos a levantar poeira
A misturar nas patas
Terras de outras terras, ares de outras matas

Eu, bandoleiro, no meu cavalo alado
Na mão direita o fado
Jogando sementes nos campos da mente

E se falasses magia, sonho e fantasia
E se falasses encanto, quebranto e condão

Não te enganarias, não te enganarias
Não te enganarias, não!

Fossem ciganos a levantar poeira
A misturar nas patas
Terras de outras terras, ares de outras matas

Eu, bandoleiro, no meu cavalo alado
Na mão direita o fado
Jogando sementes nos campos da mente

E se falasses magia, sonho e fantasia
E se falasses encanto, quebranto e condão
Feitiço, transe-viagem, alucinação

Miragem...

Um comentário:

Laura disse...

Essa canção não é necessariamente um ponto cantado na Umbanda, mas bem poderia ser... No youtube alguém comentou que tem tudo a ver com o Povo Cigano, e eu tendo a concordar... ;o)